A poesia cotidiana de José Vítor Leal

06/04/2016 09:20:53 - Atualizada em 06/04/2016 23:44:12 - Por Samira Ramos

José Vítor lê poemas para os alunos

José Vítor Leal de Sousa, 10 anos, estuda no Colégio Diocesano desde a Educação Infantil. Aos 7 anos, começou a escrever pequenos poemas. José despertou seu interesse pela leitura com as revistas da Turma da Mônica e logo passou a ler livros mais extensos. Em 2015, publicou o livro “Poesias do Ito” que apresenta poesias sobre temas cotidianos de uma criança. O jovem escritor participou do Bate Papo na Feira do Livro com os alunos do 6º ano do Ensino Fundamental e concedeu entrevista ao Site Diocesano.

Diocesano - Você começou a escrever desde muito cedo, quem te incentivou a isso?

José Vítor - Quem me incentivou a escrever foram meus pais e professores. Principalmente, meus pais. Eles liam para mim e depois que eu aprendi eles me incentivavam a ler mais.

Diocesano - Seu livro trata de poesias sobre assuntos do cotidiano, o que te inspira a escrever nesse gênero? Esse é o seu tipo preferido de texto?

José Vítor - Tenho mais afinidade com a poesia. Acho que tenho facilidade em criar rimas. É meu tipo preferido de texto.

Diocesano - Como é o seu processo de escrita?

José Vítor - Às vezes, a poesia vem do nada. No entanto, sento para pensar sobre um assunto e escrever. Não consigo escrever deitado.

Diocesano - Que autores são referência para a sua escrita?

José Vítor - Eu gosto muito do Vinícius de Moraes. Ê minha principal inspiração. Conheci sua obra em uma peça da escola quando fazia o 3º ano do Ensino Fundamental. Meu poema preferido é “O Relógio”. Gosto também de autores internacionais como o Rick Riordan, autor da série de livros Percy Jackson e os Olimpianos.

Diocesano - Para você qual a importância da leitura? Você estimula seus amigos a ler e escrever?

José Vítor - A leitura é fundamental se você quiser aprender alguma coisa. Eu falo aos meus amigos que também podem escrever e que não devem desistir dos seus sonhos.

Diocesano - Você quer escrever outros livros? Já tem histórias prontas pra uma nova edição?

José Vítor - Sim, estou produzindo um livro sobre ficção científica que fala sobre heróis. Estou escrevendo, mas acho que não fica pronto este ano. Eu já tenho as ideias na cabeça e quero que seja um livro mais extenso, voltado para o público infanto-juvenil.

Confira fotos do Bate Papo

Deixe um comentário

0 Comentário